Turquia Dia 8 | Bodrum

DSCN7094

Hotel The Marmara Bodrum

Hotel The Marmara Bodrum

Após passarmos apenas uma noite em Istambul, embarcamos na manhã seguinte no aeroporto Ataturk. O destino era Bodrum, uma cidade litorânea localizada no extremo sudoeste da Turquia. Após 1 hora de voo, desembarcamos no aeroporto, distante cerca de 30 minutos do centro da cidade e onde estava localizado nosso hotel. Como eram apenas duas noites de hospedagem decidimos ficar em um hotel mais sofisticado, da renomada rede turca The Marmara e também membro do Luxury Leading Hotels, uma organização que reúne os melhores e mais exclusivos hóteis de todo o mundo. Ele está localizado no alto de um morro, na parte mais alta da cidade e oferece a vista mais espetacular de Bodrum, tanto de dia quanto a noite. O atendimento, a estrutura, a comida, enfim, tudo aqui é perfeito e impecável. O nosso quarto era o mais básico e mesmo assim era fantástico. Para quem quiser e puder investir algumas liras a mais, a melhor suite do hotel possui, além de um quarto maravilhoso, um enorme terraço com jacuzzi de onde se pode ter uma linda vista da enseada e da marina, além do famoso Castelo de São Pedro. Assim que chegamos ao hotel, uma simpaticíssima moça chamada Meriç (pronuncia-se Mériti) nos explicou tudo sobre Bodrum e sua península. Indicou  em um mapa os melhores bares, restaurantes, lojas e passeios do local. Nunca vi uma moça tão educada e gentil! Antes de chegar na Turquia já havia visto em meus guias que Bodrum era a cidade mais importante de uma península de mesmo nome e que era possível fazer um passeio pelas praias e pelas cidades desta península. Já estava com a idéia de alugar um carro para este passeio e, claro, Meriç acertou todos os detalhes do aluguel para o dia seguinte.

DSCN7122

Como chegamos cedo ao hotel e o dia estava lindo e com um belo céu azul, resolvemos nos arrumar logo e descer para o centro da cidade para conhecermos o famoso Castelo de São Pedro, a mais famosa atração tuística da cidade. Saindo do hotel, andamos cerca de 100m e já estávamos em um ponto de taxi. O preço da corrida para o centro é fixado pelos próprios taxistas em 10 liras turcas, lembrando que estamos na baixa temporada. O centro é pequeno e muito fácil de se locomover. Olhando de frente para o mar, o Castelo está localizado no meio da orla, do lado direito está a Marina e uma rua cheia de restaurantes (os melhores da cidade, na minha opinião), e do lado esquerdo está outra rua cheia de lojas com artesanato local e produtos falsificados e na continuação muitos bares, com destaque para o bar Mandalin e o restaurante Orfoz (frutos do mar).

Marina e Castelo de São Pedro ao fundo

Marina e Castelo de São Pedro ao fundo

Vista do Castelo de São Pedro

Vista do Castelo de São Pedro

O Castelo de São Pedro foi construído pelos cavaleiros de São João, um dos grupos militares que participaram das Cruzadas, campanhas realizadas no mediterrâneo com o intuito de  tirar a Terra Santa dos muçulmanos, por volta do século XI. Em 1523, quando Solimão, o Magnifico, conquistou Rodes, tanto Bodrum como Rodes ficaram sob o domínio otomano e os cavaleiros fugiram para Malta. O Castelo ficou abandonado por séculos, virou prisão em 1895 e foi danificado por bombas francesas na 1a Guerra Mundial. Por volta da década de 60, alguns pescadores de esponjas locais começaram a armazenar produtos achados pela região e, após uma parceria turco-americana, o castelo foi restaurado e agora expoe tesouros submarinos encontrados pela Turquia. Para entrar  e visitar o castelo é preciso pagar 20 liras turcas por pessoa. Confesso que não achei nada demais na visita, mas a vista que se tem do alto de suas torres  é imperdível e vale o ingresso. Dali é possível ter uma visão 360 graus da cidade e de toda a sua enseada,  além de tirar fotos incríveis!

Avenida da Marina

Avenida  e calçadão da Marina

Marina vista do Castelo de São Pedro

Marina vista do Castelo de São Pedro

Saindo do Castelo de São Pedro, caminhamos pela rua da Marina. Além de ótimos restaurantes os quais destaco o Aquarium (frutos do mar), Tango (carnes e massas) e o bar Kuba. Ali na Marina também está a uma das baladas mais famosas da Turquia, a Halikarnas. Infelizmente não pude conhecer , pois só abre na alta temporada.  Mas como nosso objetivo era jantar no restaurante do hotel, o qual nos foi muito bem recomendado, resolvemos apenas petiscar alguma coisa e elegemos um restaurante/café chamado Vespa. Ele fica mais ao final da rua da Marina, no fundo de uma galeria ao ar livre muito elegante com lojas de grifes famosas, como Diesel e Paul & Shark, além de uma loja que estava com uma promoção fantástica de coisas para casa e acabamos comprando 3 peças de porcelana lindíssimas por menos de 100 liras turcas. E detalhe que não precisamos pechinchar! A loja também vendia peças de roupas masculinas e femininas lindas e com um ótimo preço. Por ser uma cidade bastante turística e que recebe uma grande quantidade de pessoas na alta temporada, Bodrum também conta com um shopping grande chamado Oasis, com diversas lojas, restaurantes e cinema, mas que fica um pouco afastado do centro, além do Midtown Bodrum, aberto em junho de 2012. Outra opção que nos foi recomenda foi um mercado de roupas e tecidos que acontece todas às 3as feiras ao lado da rodoviária e da Mesquita. Entramos e já saímos rapidamente, pois a maioria dos produtos eram falsificações de marcas famosas e, na minha opinião, Bodrum tem coisas muito mais bonitas e interessantes para se ver e não vale a pena gastar seu tempo aqui.

Por-do-sol em Bodrum

Por-do-sol em Bodrum

Mas Bodrum não é só comer, beber e comprar. Para quem gosta de passeios culturais, uma ótima opção é visitar  as ruínas do Mausoléu de Halicarnassus, uma das Sete Maravilhas do Mundo Antigo, o Teatro Antigo, um dos lugares mais bem conservados da antiga cidade de Halicarnassus e a Porta de Mindos,  demolida por Alexandre, o Grande, em 334 a. C. e restaurada em 1998. Outra opção interessante na cidade é o Museu Zeki Muren, dedicado a um dos mais talentosos e adorados cantores e compositores da Turquia, conhecido carinhosamente como “O Sol da Arte”, além do Bodrum Hamam, banho turco vinculado com o tradicional Çembelitas, localizado em Istambul que oferece um serviço bastante profissional e qualificado, honrando seus 500 anos de linhagem e tradição.

Vista do Tuti Restaurant, no The Marmara Hotel

Vista do Tuti Restaurant, no The Marmara Hotel

O nosso dia terminou em um jantar no restaurante do hotel, o Tuti Restaurant, comida e atendimentos impecáveis, além da vista (foto) que é um ingrediente a parte. Combinação perfeita para encerrar este lindo dia nesta cidade maravilhosa!

Sites úteis:

bodrum.themarmarahotels.com

http://www.bodrumhamami.com.tr

http://www.bodrumlife.com

http://www.bodrum.org

Anúncios
Categorias: Turquia, Viagem | Tags: , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , | Deixe um comentário

Navegação de Posts

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Blog no WordPress.com.

%d blogueiros gostam disto: